Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IFSP inicia campanha de combate à discriminação

  • Publicado: Terça, 28 de Agosto de 2018, 16h06
  • Última atualização em Terça, 28 de Agosto de 2018, 16h27
  • Acessos: 172

A intenção da campanha é, por meio de publicações, debater as situações de violências e de discriminação negativa às quais servidores e estudantes podem estar sujeitos em seu cotidiano, alertando sobre elas.

 

O Instituto Federal de São Paulo está lançando a campanha #IFSPcombateaDiscriminação.  A iniciativa tem o objetivo de alertar alunos e servidores sobre a violência psicológica e de discriminação negativa, como o preconceito racial e o sexismo, às quais a comunidade pode estar sujeita, discutindo suas consequências para a construção da prática da convivência e o respeito pelas diferenças, pela diversidade de gênero e culturas. A campanha visa também divulgar os canais por meio dos quais é possível denunciar toda e qualquer forma de discriminação.

A campanha é uma parceria entre o Núcleo de Estudos Afro-brasileiro e Indígena (NEABI-IFSP), o Núcleo de Estudos sobre Gênero e Sexualidade (NUGS-IFSP) e o Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Educacionais Específicas (NAPNE-IFSP). A intenção é, por meio de publicações, debater as situações de violências e de discriminação negativa às quais servidores e estudantes podem estar sujeitos em seu cotidiano, alertando sobre elas.

 As publicações chegarão ao público em diversos formatos, como cartazes em A3 que serão expostos em murais e banners para divulgação nas redes sociais e no site oficial do IFSP. A campanha será realizada em dois momentos. No primeiro, os Núcleos serão responsáveis pelo conteúdo que será divulgado por meio de cartazes, contendo alguns termos e seus significados, os quais são utilizados para caracterizar a violência psicológica, a discriminação, o preconceito, o racismo etc.

O segundo momento da Campanha será aberto para que servidores e estudantes enviem por e-mail frases para compor os cartazes e os banners e também relatos pessoais anônimos. As publicações serão enviadas por arquivo para os câmpus, mensalmente, para que sejam impressas e publicadas.

O Instituto Federal de São Paulo repudia toda e qualquer forma de discriminação. Se você foi vítima, denuncie, procure a Coordenadoria Sociopedagógica do seu câmpus ou a Ouvidoria do IFSP (http://www2.ifsp.edu.br/ouvidoria/).

 

Acesse o link original clicando AQUI

registrado em:
Fim do conteúdo da página