III CEMAC - Congresso de Extensão e Mostra de Arte e Cultura do IFSP

Certificados

Os certificados do III CEMAC - Congresso de Extensão e Mostra de Arte e Cultura do IFSP ja estão disponíveis para quem fez inscrição e confirmou sua presença.

Aos que se inscreveram no momento do evento os certificados serão emitidos gradativamente.

Resultado Final

A Pró-reitoria de Extensão torna público o resultado final dos Editais n° 601 e 602/16

Edital n° 715 - Resultado Final do Edital n° 601 (trabalhos)

Edital n° 716 - Resultado Final do Edital n° 602 (auxílio)




O III CEMAC ocorrerá nos dias 08, 09 e 10 de novembro de 2016. O público estimado para o evento é de 3000 pessoas. Objetivamos fortalecer a cultura extensionista, responsável por ampliar a troca de conhecimentos e saberes entre o instituto e a comunidade, consolidar, no âmbito do IFSP, o debate acerca dos direitos humanos e justiça e estender a reflexão sobre o importante papel da cultura nas instituições de ensino. Além de 140 comunicações orais e 160 pôsteres, o evento terá espaço para a submissão de 28 atividades formativas. Teremos, também, oficinas de sustentabilidade, história e cultura afro, grafite, reciclagem, jogos de tabuleiro, entre outras. Mesas redondas e palestras abordarão as temáticas educação e cinema, educação quilombola, educação popular, gênero e educação. Já a programação cultural contará com mais de 70 apresentações entre música, dança, artes cênicas, artes visuais e cine minuto.

Sertãozinho

A região é um dos principais polos econômicos regionais do estado de São Paulo, sendo beneficiado em diversos aspectos, entre os quais universidades, centros de pesquisa, qualificação de mão de obra, infraestrutura de transportes e comunicação, agricultura modernizada, serviços de saúde e educação e comércio.

A microrregião tem forte desenvolvimento agrícola, com diversos produtos, como: café, amendoim, laranja, manga, cebola, leite, soja e a canade-açúcar. A mecanização do plantio e corte da cana-de-açúcar, associada a outras técnicas gerenciais, proporciona competitividade industrial na região. O setor sucroalcooleiro, além de produzir açúcar e álcool, tem aproveitado os resíduos dessa produção para gerar energia elétrica e obter vários subprodutos.

Sertãozinho é a segunda principal cidade da microrregião, sendo, além de um dos grandes produtores de açúcar e álcool, um dos principais polos nacionais da indústria de bens de capital voltada ao setor sucroalcooleiro.

Possui mais de quinhentos estabelecimentos caracterizados como indústrias de base, de transformação, de usinagem, de fundição, de injeção plástica, de borracha e de eletro-eletrônicos, produzindo equipamentos e/ou produtos de bens de capital e de bens de consumo para esse setor. As cinco indústrias processadoras de cana-de-açúcar existentes em Sertãozinho empregam modernas tecnologias que promovem maior produtividade no campo e ganhos no processo industrial.



Desenvolvido por Equipe